Spider assemblages in widely-separated patches of cerrado in São Paulo State, Brazil



Título del documento: Spider assemblages in widely-separated patches of cerrado in São Paulo State, Brazil
Revue: Acta biologica paranaense
Base de datos: PERIÓDICA
Número de sistema: 000323621
ISSN: 0301-2123
Autores: 1
1
Instituciones: 1Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho", Instituto de Biociencias, Curitiba, Parana. Brasil
Año:
Periodo: Ene-Dic
Volumen: 37
Número: 1-4
Paginación: 165-180
País: Brasil
Idioma: Inglés
Tipo de documento: Artículo
Enfoque: Analítico, descriptivo
Resumen en inglés Brazilian cerrado is a biologically-rich, poorly understood, yet rapidly disappearing habitat. Composition of the spider assemblages from areas of cerrado from three separate sites in the State of São Paulo, Brazil were sampled by beating the canopies and adjacent shrubs of three Myrcia (Myrtaceae; “myrtle”) tree species. These produced a total of 859 spiders belonging to 21 families and 75 species. The most undisturbed and densest cerrado habitat had the largest number and greatest diversity of spider species, encompassing stalkers, ambushers, space web-weavers, and foliage runners. The other two areas were dominated by foliage runners. Spider distribution in this natural and complex habitat was evaluated by classifying the samples into 12 habitat/microhabitat groups according to local of the patch, tree species, and microhabitat (target tree or adjacent shrub). Correspondence analysis was used for ordination of species and groups based on their abundance. Environmental factors such as patches type (p=0.027) and plant species (p=0.046) had significant effects in explaining the ordination. Canonical correspondence analysis was applied for relating the patterns in species richness and/or abundance to the significant environmental factors. A comparison of the results showed that the family composition among the patches is rather similar, and there is a tendency of spiders species overlap an interregional level (patches effect, p=0.027). However, the most similar spider assemblages living on woody vegetation occurred in Myrcia venulosa and Myrcia guianensis at São Carlos and Pirassununga, demonstrating an interregional similarity (plant species effect, p=0.046) that indicates an association between spiders and particular vegetation
Resumen en portugués O cerrado brasileiro é um habitat biologicamente rico, pouco estudado e que está desaparecendo rapidamente. Assembléias de aranhas de áreas do cerrado de três locais separados no Estado de São Paulo, Brasil, foram amostradas pela batida das copas de três espécies de Myrcia (Myrtaceae), e subbosques adjacentes. Isto totalizou 859 aranhas pertencentes a 21 famílias e 75 espécies. A mancha de cerrado mais densa e menos perturbada teve o maior número de espécies de aranhas predominantemente perseguidoras, caçadoras de emboscada, tecelãs tridimensionais, e corredoras em folhagem. Nas outras duas áreas predominaram as corredoras de folhagem. A distribuição de aranhas neste habitat natural e complexo foi avaliada pela classificação das amostras em 12 grupos de habitat/microhabitat, de acordo com o local da mancha de cerrado, as três espécies de Myrcia e o microhabitat (árvores-alvo ou subbosque adjacente). A análise de correspondência foi usada para a ordenação das espécies e grupos baseados na abundância de aranhas. Fatores ambientais tais como, tipo de mancha (p= 0.027) e espécie da planta (p= 0.046) tiveram efeitos significativos na explicação da ordenação. A análise de correspondência canônica foi aplicada para relacionar os padrões de riqueza de espécies e/ou abundância para fatores ambientais significativos. A comparação dos resultados mostrou que a composição das famílias de aranhas entre manchas é bastante similar e há uma tendência das espécies de aranhas sobreporem-se no nível interregional (efeito de manchas, p = 0,027). Contudo, as mais similares assembléias de aranhas que vivem nas árvores, ocorreram em M. venulosa e M. guianensis em São Carlos e Pirassununga, demonstrando similaridade regional (efeito da espécie de planta, p = 0,046), o que indica, uma associação entre aranhas e tipo de vegetação
Disciplinas: Biología
Palabras clave: Angiospermas,
Ecología,
Quelicerados,
Asociaciones ecológicas,
Arañas,
Myrtaceae,
Brasil
Keyword: Biology,
Angiosperms,
Chelicerata,
Ecology,
Ecological associations,
Spiders,
Myrtaceae,
Brazil
Texte intégral: Texto completo (Ver HTML)