Makunaima e Macunaíma: entre a natureza e a história



Título del documento: Makunaima e Macunaíma: entre a natureza e a história
Revista: Revista brasileira de historia
Base de datos: CLASE
Número de sistema: 000279942
ISSN: 0102-0188
Autors: 1
Institucions: 1Universidade Estadual de Campinas, Departamento de Historia, Campinas, Sao Paulo. Brasil
Any:
Període: Ene-Jun
Volum: 26
Número: 51
Paginació: 263-280
País: Brasil
Idioma: Portugués
Tipo de documento: Artículo
Enfoque: Histórico, analítico
Resumen en inglés This text has as its central theme the romantic desire for nature as a response to the contemporary political conflicts. Taking some examples from the 1920's, I discuss the way Macunaíma, a work of Mário de Andrade, was based on an image of a natural space without any history. By contrast, I present the extremely conflictuous area in which Koch-Grünberg has collected the narratives about Makunaima. The aestheticized nature invented by the romantics had as its result the covering of the violence constitutive of what indeed today is understood as national reality
Resumen en portugués Este artigo tem como tema central a questão do desejo romântico pela natureza como resposta a conflitos políticos contemporâneos. Tomando alguns exemplos da década de 1920 no Brasil, discuto a maneira como Macunaíma, de Mário de Andrade, constituiu-se como projeção de um espaço natural prévio a toda historicidade. Em contraste, apresento o ambiente extremamente conflituoso em que Koch-Grünberg coletou relatos indígenas sobre Makunaima. A natureza estetizada inventada pelo romantismo teve como efeito o encobrimento da violência constitutiva daquilo que ainda hoje se entende como a realidade nacional
Disciplines Historia
Paraules clau: Historiografía,
Naturaleza,
Romanticismo,
Andrade, Mario de,
Brasil
Text complet: Texto completo (Ver HTML)