A clínica psicanalítica com idosos: uma construção



Título del documento: A clínica psicanalítica com idosos: uma construção
Revista: Estudos de psicanalise
Base de datos: CLASE
Número de sistema: 000476072
ISSN: 0100-3437
Autors: 1
Institucions: 1Instituto Santo Tomas de Aquino, Belo Horizonte, Minas Gerais. Brasil
Any:
Període: Jul
Número: 49
Paginació: 115-123
País: Brasil
Idioma: Portugués
Tipo de documento: Ensayo
Enfoque: Teórico
Resumen en inglés This paper proposes some particularities of the psychoanalytic clinic in the care for the eldely. I would like to highlight the ageing world population and, particularly, with increased longevity, there is a greater visibility of the elderly as well their demands. Another reason is the scarcity of psychoanalytical research, that is, lack of literature explaining the question about ageing. This approach defends sublimation as a means of sustaining the wish and, above all, as a means of transformation provided by social bonds, aiming to make the subject the leader of his own history and assuming that investment is what upholds existence. There is no age for desire. Through this principle, one must “bet on life” even when the body becomes a sick stage, always pointing towards death. Thus, psychoanalysis summons the subjects to the hearing and remembering, which enable their own histories and reconcile them with the legitimacy of their own wish
Resumen en portugués Este artigo apresenta algumas particularidades da clínica psicanalítica no atendimento a idosos. Instigado pelo aumento da população idosa em decorrência da longevidade, há maior visibilidade e demandas provenientes dessa categoria. Outra razão é a pouca produção psicanalítica abordando a questão do tratamento com idoso. Defendo a sublimação como meio de sustentação do desejo e, acima de tudo, como meio de transformação proveniente dos laços sociais convocando o sujeito idoso a assumir as rédeas da própria história, bem como o investimento que sustenta a existência. Não há idade para desejar. Por meio desse princípio o idoso é convocado a apostar na vida, mesmo que o corpo compareça como palco de enfermidades e sinalize para a finitude. Dessa maneira, a psicanálise convoca o sujeito a se “n’homear”, ressignificando sua história com a legitimidade de seus próprios desejos
Disciplines Psicología
Paraules clau: Psicoanálisis,
Ancianos,
Clínica psicoanalítica,
Sublimación,
Deseo
Text complet: Texto completo (Ver HTML)