Produção, circulação e leitura de textos religiosos em prosa e verso: educação católica na literatura de folhetos do nordeste



Título del documento: Produção, circulação e leitura de textos religiosos em prosa e verso: educação católica na literatura de folhetos do nordeste
Revista: Revista da FAEEBA
Base de datos: CLASE
Número de sistema: 000435735
ISSN: 0104-7043
Autors: 1
Institucions: 1Universidade do Estado da Bahia, Salvador, Bahia. Brasil
Any:
Període: Ene-Jun
Volum: 20
Número: 35
Paginació: 69-83
País: Brasil
Idioma: Portugués
Tipo de documento: Artículo
Enfoque: Descriptivo
Resumen en inglés This text is about religious distance education via booklets known as cordel (string) literature realized by the Catholic Church to promote its religious principles. They were used to indoctrinate social groups in the Northeast, during the first two decades of the twentieth century. The leaflets with “trezenas”(three days prayer), novenas, blessed, crafts, litanies and prayers to various saints were encountered in the Collection of Aderaldo Jose Castelo, from the Institute of Brazilian Studies at the University of Sao Paolo (USP). Having note the imperative language and the life of the saints narrated in the second person of plural, we realized that these texts were written by priests and monsignors bishops, who wrote in verse and prose about the Catholic Church for the reading and listening of others. Why did the Catholic Church use these booklets to disseminate its doctrine? To whom was intended the productions of the leaflets? How do these aspects and fragments of this cultural and religious tradition were incorporated as religious practices? How did the poets and printers produce leaflets developing stories, prayers and religious practices that remained in the memory and imagination of groups guided by traditions of orality and writing? Those are challenging and complex issues that allow reflection and analysis about how groups selectively incorporated writing and speaking in the permanent constitution / reconstitution of religious cultures
Resumen en portugués Este texto trata sobre educação religiosa realizada à distância por meio de folhetos organizados no formato da literatura de cordel pela Igreja Católica para divulgar princípios religiosos com os quais pretendeu doutrinar grupos sociais do interior do Nordeste, entre as duas primeiras décadas do século XX. Os folhetos com trezenas, novenas, benditos, ofícios, ladainhas e orações destinadas a vários santos foram levantados na Coleção José Aderaldo Castelo do Instituto de Estudos Brasileiro da USP. Observando a linguagem imperativa e a vida dos santos narrada na segunda pessoa do plural, percebemos que os folhetos foram elaborados por padres, monsenhores, bispos, que versavam e prosavam da Igreja Católica para a leitura/audição de outros sujeitos. Por que a Igreja Católica utilizou o folheto para difundir sua doutrina? Para quem se destinavam as produções desses folhetos? Como aspectos e fragmentos dessa educação religiosa foram incorporados como práticas religiosas? Como poetas e impressores produziram folhetos elaborando histórias, orações e práticas religiosas que permaneceram na memória e no imaginário de grupos pautados em tradições de oralidade e escritura? São questões desafiadoras e complexas que possibilitaram refletir e analisar como grupos incorporaram seletivamente escritura e oralidade aferindo permanentes significados na constituição/reconstituição de culturas religiosas
Disciplines Educación,
Religión
Paraules clau: Historia y filosofía de la educación,
Religión y sociedad,
Educación católica,
Producción,
Circulación,
Lectura,
Folletos,
Siglo XX
Text complet: Texto completo (Ver PDF)